Américo – Não Acordes Minha Dor

Mais um Fado para a Saudade, este dedicado ao Joaquim Duarte que está longe, (leva quarenta anos fora de Portugal embora nos visite com regularidade) e quantas vezes um pequeno fado, é algo de muito grande para a recordação, no avivar da nossa memória, da terra natal,da sua Cultura e Costumes, dos familiares e dos amigos. Aproveito para lhe agradecer a generosidade das suas palavras e o animo que nos transmite, para continuar a espalhar nosso Fado, nossos Fadistas e Autores por esse Mundo além.Um Abraço. Américo

Anúncios

2 thoughts on “Américo – Não Acordes Minha Dor

  1. A minha admiração sempre!!! Reforço, uma vez mais, o toque andaluz da sua voz, de facto uma interpretação única 🙂 aquele abraço Amigo Américo, André.

    • E ele a dar-lhe. Qualquer dia sou o Frank Sinatra!!!hehehehe. deixa pra lá, obrigado por seres sempre demasiado generoso, li o que escreves sobre a transcrição do jornal, e cada vez me convenço mais que estou perante um grande Escritor. Obrigado. Um abraço

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s