Acabam as ” Noites no Kalunga “

Amanhã dia 19 de Dezembro 2009, será a última das “Noites no Kalunga”. Por apenas e só um motivo:  Estamos cansados. São muitos anos, sem tempo para mais nada. A saúde de minha mulher também não é a melhor, e ela foi ao longo dos anos a grande alma desta casa onde a cozinha era reconhecida e muito apreciada.

Fechamos  só o Restaurante,  mas  Mantemos aberta a Residencial com pequenos almoços.  Deixo aqui um registo de um bocadinho dessas noites, em que o primeiro fado “Não Voltes” tem letra de Moita Girão e a música é de Pedro Rodrigues. Obrigado a todos. um abraço Américo

Recordar o Passado / José António

Ao visitar no YouTube o canal do meu amigo Casimiro e ao deparar lá com um vídeo  do Tenor Domingos Marques, lembrei de um outro Tenor dessa época e que era dos tenores da altura aquele que eu mais admirava, presenciei nesse tempo , saraus. serões para trabalhadores, saraus na FNAT,e em vários eventos.   Sempre distinguiu o José António, pela sua voz, pela sua postura, era um senhor! Não sei nada dele, busquei informação por todo o lado e nada encontrei.   Mais uma razão para o trazer aqui à memória de todos,e recorda-lo, nesta canção que eu assisti à sua estreia, pois foi concorrente ao 2º Festival da Canção Portuguesa realizado a 31 de Maio de 1960, no Coliseu do Porto, tinha eu 19 anos.   É uma linda melodia do saudoso Maestro Belo Marques, saquei a música de um disco em vinil, desse tempo desculpem a qualidade do som.   Um abraço a todos. Américo

 

Teresa Silva Carvalho

Meu Amigo António Moreira há dias lembrou-me Teresa Silva Carvalho, pela sua versão de Barca Bela, e daí dei comigo a pensar que de tanto vídeo que tenho editado, reparei que da Teresa, nada tinha feito, sendo eu amigo do irmão Luis da Silva Carvalho que durante anos frequentou minha casa e um belo dia chegou com a Teresa para jantar e onde estivemos numa agradavel velada, e conversa até a noite ser já tardia, Pois com um abraço para os dois aqui está este fado que a Teresa lhe dá um cunho muito pessoal, pena é que tenha parado com sua carreira artística, pois era sem dúvida uma enorme mais valia para o panorama musical português.

Luís Piçarra / Morena da Raia

 .

 .

  Meu  terceiro  vídeo  de  Luís  Piçarra,  que  dedico ao  Valentim  Casimiro  Garcia,  pois  sei  bem  do gosto  sobre  o  Belo  Canto  que  este  meu  amigo tem  e  porque  sempre  apreciou  esse  enorme tenor  da  Música  Portuguesa  que  foi  o  saudoso Luís  Piçarra.  Com  um  abraço .  Américo