Maria João Quadros / Fado Primavera

Tenho um LP que comprei há mais de  trinta anos de Maria João Quadros, onde fui buscar este Primavera, de que gosto muito num poema de Manuel de Andrade, e onde na capa desse disco a Grande Poetisa Fernanda de Castro escreve sobre a Fadista o seguinte:
Era uma vez uma menina…
No dia do Baptizado a Madrinha – Fada sorriu e disse :
-Cantarás o Fado!
-A menina cresceu, é hoje uma menina grande, uma senhora, e a profecia cumpriu-se: Maria João canta o Fado e, dizem os entendidos, canta bem. Canta pelo menos a seu modo, que não é o modo de toda a gente.
-Ao ouvi-la,  dir-se.ia que nasceu num beco de Alfama ou numa viela do Bairro Alto ,  ao som de guitarras e violas, quando na realidade nasceu em Moçambique , no mato, embalada sim, mas por uivos de hienas, tropel de búfalos e rugidos de leões. Mas que importa? Não será justamente a isto que, se chama intuição. “adivinhação”?
-Um abraço. Américo
 

 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s